Pepitas de ouro ilustram valores do judo

@Judo Magazine | 8 de junho 2020 | Com Leandra Freitas, da Comissão para as Crianças da Federação Internacional de judo

Crianças de setenta países do globo deram alma e cor aos oito valores do judo através de 1800 desenhos repletos de imaginação e de alegria, mas também de tristeza e de medos ocasionais. Foi a resposta criativa que os jovens judocas, com menos de 14 anos, deram ao desafio lançado pela Federação Internacional de judo (IJF) no dia 6 de abril 2020 por ocasião do Dia Internacional do Desenvolvimento Desportivo e da Paz.

Leandra Freitas, judoca portuguesa que integra a Comissão para as crianças da IJF e que vive em Budapeste desde há dois anos a esta parte, esteve na origem da iniciativa que teve o efeito de dar eco generalizado ao artigo que escreveu em março passado sobre os 8 valores do judo.

Cuidar um do outro

Na ocasião Leandra alertava para aspetos atitudinais e comportamentais relacionados com o momento “Estamos enfrentando tempos difíceis, pois o mundo está a ser testado com a doença de coronavírus (COVID-19). Embora possamos estar fisicamente separados, é mais importante agora do que nunca permanecermos unidos e mostrar solidariedade. Esse período de incerteza faz-nos perceber o que é realmente importante na vida: permanecer forte e saudável e cuidar um do outro. Ao manter os nossos valores, somos capazes de sobreviver e permanecer positivos em todas as adversidades”.

Não ficámos desapontados

Depois da divulgação dos resultados do concurso, denominada Draw of the Great 8 que ocorreu no Dia Internacional da Criança, 1 de junho, ouvimos Leandra que quis expressar a sua satisfação pelo modo como correu todo o processo e o seu entusiasmo pelo fato da dinâmica alcançada ter tido por motor os jovens desenhadores mas também as famílias e os amigos.

“Quando a Federação Internacional de Judo lançou o concurso de desenho The Great 8, reservado a menores de 14 anos, sobre o tema dos oito valores fundamentais do código moral do judo, esperávamos descobrir algumas pepitas de ouro e o mínimo que podemos dizer é que não ficámos desapontados porque, entre as 1.800 ilustrações de mais de 70 países, a comunidade de pequenos judocas tocou nos nossos corações.”  sintetizou a representante da Comissão da IFJ para as crianças nesta iniciativa.

Apoio imprescindível

“Com este concurso online, levamos o judo para as casas das famílias durante este momento difícil (COVID 19). Foi crucial para as crianças receberem apoio de seus entes próximos, o apoio da IJF e dos membros da IJF (Federações). Foi uma maneira de comunicar, falar, questionar, partilhar, com os pais e família, professores de judo, colegas e amigos sobre os valores do judo para em seguida aplicá-los num desenho” adiantou Leandra.

Oito valores do judo

E, retomando o tema que a motiva particularmente, o dos valores, Leandra referiu “O concurso de ilustrações foi baseado nos 8 valores do judo: coragem, respeito, modéstia, amizade, honra, honestidade, autocontrole e cortesia. O judo não funciona sem eles, eles são uma parte essencial do nosso desporto. Nas competições, nos dojos, em casa, na escola, o judoca deve sempre se lembrar destes 8 valores e aplicá-los em tudo na vida”.

Ainda sobre o envolvimento dos jovens destacou a importância da partilha “Para nós foi muito importante que as crianças participem no concurso. Oferecemos-lhes a oportunidade de demonstrar o conhecimento sobre os valores do judo e de partilhar as suas ilustrações com outros jovens judocas de todo o mundo, mantendo-os conectados”.

Prémios

Sobre os prémios Leandra insistiu nos aspetos da segurança “Ao contrário do Throw to Tokyo (no qual os participantes ganhavam uma viagem a Tóquio), tivemos que nos adaptar, pois viajar não é seguro neste momento. Decidimos oferecer value T-shirts, judogis personalizados e Mascotes da IJF. Prémios todos eles destinados às crianças e também de entrega segura”.

Resumindo:

– No total 88 crianças por todo o Globo ganharam um prémio, mas não esquecemos todas as que participaram, que receberam um Diploma de Participação.

– Os 8 grandes vencedores foram escolhidos por um júri bem conhecido da World Judo Tour. Os Internacionais e campeões: Clarisse Agbegnenou, Rafael Silva , Christa Deguchi, Varlam Liparteliani

– Os restantes 80 prémios foram sorteados.

Uma sociedade melhor

“O concurso só veio dar ênfase ao que já sabíamos, a importância dos valores do judo na vida das crianças e no seu desenvolvimento intelectual/social, contribuindo assim para o desenvolvimento de melhores cidadãos e para o futuro de uma melhor sociedade”. concluiu Leandra.

  • Leandra Freitas                                                 
  • International Judo Federation-Presidential Office                                                      
  • Member of Judo for Children Commission                                                 
  • Judo in schools program developer                                                      
  • Special Advisor – UNESCO ICM                                                      
  • Former Portuguese Judo Hight level Athlete

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *