TIBLISSI 2021 | Maryna ou como quem perde pode ganhar

JUDO MAGAZINE | 28 de março 2021 | Grand Slam de Tiblissi

Foi quase em simultâneo. Rochele a vencer e a conquistar um lugar na meia-final e Jorge Fonseca a ser derrubado por Ilia Sulamanidze, atual Campeão da Europa de juniores.

Rochele lesionou-se a meio do combate dos quartos-de-final com a sua adversária bielorussa e não desistiu. Acabou por vencer e a lesão tornou-se ainda mais evidente quando a atleta da seleção nacional teve que sair do área de competição.

Então verificámos mais uma vez uma máxima antiga no judo. Quem perde pode ganhar. Sim, a campeão bielorussa ganhou o coração de todos os judocas presentes quando tomou a iniciativa de apoiar Rochele na sua retirada.

Maryna Slutskaya não é uma atleta qualquer. Nona no ranking mundial foi medalha de prata no Grand Slam de Paris 2020. Tornou-se agora, também, uma referência do fair-play e do desporto e do judo em particular.

Дзякуй Maryna!

Maryna

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *