Anri e Joana Diogo fora de Tel Aviv

INTERNACIONAL | Grand Slam de Tel-Avive

O sorteio do Grand Slam de Tel Aviv ditou um primeiro embate de dificuldade máxima para Patrícia Sampaio, em -de 78kg, já que a atleta de Tomar irá enfrentar Madeleine Malonga na primeira etapa das qualificações. Telma Monteiro, por sua vez, ficará a aguardar o desfecho da confrontação entre a atleta da casa Lavy e a polaca Arieta Podolak para conhecer a sua primeira adversária.

Tel Aviv, a cidade com maior número de edifícios Bauhaus do mundo e que tem estruturado uma área central denominada Tel Aviv Bauhaus Center, acolhe mais uma vez o seu Grand Slam, desta vez com uma participação ainda condicionada pela pandemia de COVID-19, estando inscritos 298 atletas de 34 países. O nível da prova não poderá ser classificada de topo mundial, prevalecem competidores inscritos de meio da tabela dos rankings, claro com algumas exceções.

Precisamente uma das atletas de maior notoriedade é Telma Monteiro que poderá ter que enfrentar a francesa Faiza Mokdar se ultrapassar o seu primeiro obstáculo em -57kg.

Madeleine Malonga © Di Feliciantonio Emanuele – FIJ

Patrícia Sampaio terá pela frente a número 2 do ranking mundial e medalha de prata quer dos Jogos Olímpicos de Tóquio quer do Campeonato do Mundo de Budapeste em 2021, Madeleine Malonga.

Anri Egutidze e Joana Diogo que constavam da convocatória da Federação Portuguesa de Judo para a prova em Israel não puderam viajar para a cidade branca israelita por não terem conseguido recuperar de lesões recentes. A equipa médica aconselhou a não-deslocação e ambos ficaram em terras lusas.

Amanhã, sexta e sábado serão dias de Tel Aviv, com judo em direto nos canais habituais.

Please follow and like us:
error
fb-share-icon

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.