19/06/2024

Carreiras duais apoiadas para conciliar os estudos com as práticas desportivas exigentes

Cinco atletas do judo apoiados pelo Programa Impulso

O Programa IMPULSO | Bolsas de Educação Jogos Santa Casa entregou esta quarta-feira 47 bolsas a atletas dos universos olímpico, paralímpico e surdolímpico numa cerimónia realizada na Reitoria da Universidade de Lisboa.

Na cerimónia José Manuel Constantino, Presidente do Comité Olímpico de Portugal, realçou a importância da parceria: “Os Jogos Santa Casa foram pioneiros no sentido de trazer para os atletas um conjunto de estímulos de natureza financeira que ajudasse a conciliar as carreiras desportiva e académica. Ainda assim, não se encerraram ao apoio muito significativo que deram ao longo de tantos anos e abriram o caminho para outras entidades, designadamente ao nível autárquico, que criaram programas próximos ou semelhantes àqueles que a Santa Casa criou e que permite estimular, favorecer e reconhecer a importância que há em encontrar uma solução que permita conciliar a vida desportiva e a vida académica. Com isto habilitou quem está na vida desportiva a ter mais ferramentas para quando terminar a sua carreira desportiva poder ter inserção no mercado de trabalho e continuar a sua vida sem os sobressaltos que decorrem quando há uma quebra na carreira desportiva.”

Cinco atletas do judo vão beneficiar do Programa que constitui um dos apoios mais estruturantes da “carreira dual” que na gestão dos percursos profissionais surge como um grande desafio tanto para os atletas-estudantes como para as entidades supervisoras do desporto nacional que desejam o sucesso dos atletas como pessoas e como profissionais, mas também como desportistas de alto rendimento que, de uma forma geral, representam o país em palcos internacionais.

Catarina Costa, Patrícia Sampaio, Raquel Brito, João Fernando e Joana Diogo são os atletas apoiados na 10ª edição do Programa Impulso.

IMPULSO | Bolsas de Educação Jogos Santa Casa

O Programa visa apoiar, de forma transversal, a formação de atletas olímpicos, paralímpicos e surdolímpicos, dando-lhes o suporte necessário para poderem conjugar a sua exigente realidade desportiva com a educação.

Ao atribuir estas bolsas de educação, os Jogos Santa Casa, em parceria com o Comité Olímpico de Portugal e o Comité Paralímpico de Portugal, possibilitam que os atletas iniciem e/ou continuem as suas carreiras duais, evitando o afastamento prematuro do desporto de alto rendimento ou o abandono precoce dos estudos.

O Programa IMPULSO | Bolsas de Educação Jogos Santa Casa vai ao encontro dos valores e dos projetos que a instituição prossegue, tais como: a valorização do esforço e do mérito desportivo, a promoção do desporto enquanto motor de coesão social e de estilos de vida saudáveis, bem como a distinção de atletas que representam Portugal ao mais alto nível.

Noutro registo, mas na mesma linha de preocupações e objetivos, podemos ainda sinalizar o programa ACP dinamizado pela Comissão de Atletas Olímpicos,

O Programa ACP – Athlete Career Programme (ACP)

O programa Athlete Career Programme (ACP) teve origem no primeiro “Sports International Athletes Forum”, realizado em 2002, onde foram identificadas como importante foco de ação dos dirigentes desportivos as dificuldades enfrentadas pelos atletas na transição da carreira desportiva para o mercado de trabalho.

A Comissão de Atletas Olímpicos dinamiza o programa nas suas diversas componentes, formação, emprego e habilitação para a vida.

Joana Santos foi uma das beneficiárias do Programa IMPULSO

SOBRE O AUTOR | Editor

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *