19/06/2024

No Campeonato do Mundo de Veteranos Portugal soma mais uma medalha

Alexandre Vieira, atleta veterano e treinador do Beira-Mar, é um “habitué” destas provas que percorrem o planeta e que promovem o encontro de centenas de praticantes e dirigentes da modalidade. A prata fica-lhe bem porque o seu desempenho na meia-final deu indicações de uma boa preparação e base competitiva e de uma capacidade real em encontrar soluções para atletas mais altos que ganham superioridade na disputa das pegas e forçam os adversários a posições mais defensivas. Contra o francês Trocherie, projetou, imobilizou, voltou a imobilizar e foi projetado, mas acabou por conquistar uma posição na final.

Alexandre Vieira, medalha de prata em Abu Dhabi

No combate decisivo, contra o croata Josip Sancic, foi com alguma surpresa que no decorrer do combate acumulou sucessivas penalizações que acabaram por dar a vitória ao seu opositor que aliás não realizou qualquer ataque e que nem sequer necessitou de o fazer. Uma medalha de prata que reforça o palmarés de Alexandre Vieira e que contribui para os resultados globais de Portugal na classificação geral.

Na jornada, António Boloto e Martim Silva terminaram a prova em 9º lugar e João Mendonça, que perdeu o seu primeiro combate nas eliminatórias, não foi repescado.

Editado 10h56 – capacidade competitiva

SOBRE O AUTOR | Editor

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *