26/05/2024

Saí de Riga com uma boa experiência e com vontade de voltar

Laura Macovei relata-nos a sua experiência e os dias passados na Letónia com 11 judocas açorianos, dois treinadores incluídos. Os atletas competiram na Taça Europeia de Cadetes em Riga, capital do pequeno país situado entre a Lituânia e a Estónia. A prova realizou-se nos dias 21 e 22 de outubro. O grupo concluiu a sua presença no Báltico participando no Estágio que decorreu nos dois dias seguintes.

Colaboração Laura Macovei a partir de Riga, Letónia.

Laura Moscovei relatou-nos a sua experiência em Riga e a conquista da 5ª posição na Taça Europeia de Cadetes da capital da Letónia

Viagem

Dos Açores a Riga, partimos de 3 ilhas diferentes (Terceira, São Jorge e São Miguel). Encontrámo-nos em Lisboa, seguimos para Paris onde pernoitámos e chegámos a Riga, pela tarde, do dia seguinte. Apesar de ter sido uma viagem longa e sob restrição alimentar, por causa do peso, acabou por ser uma boa Viagem.

Em Riga estava muito frio, a cidade é completamente diferente do que temos nos Açores, mas é uma cidade agradável com edifícios muito bonitos.

Competição

Achei que a competição estava com um nível elevado pois contou com a participação de 309 atletas e 21 países. Na minha categoria de peso estavam 16 atletas.

Apesar de no primeiro combate me ter calhado a segunda cabeça de série da prova, a minha intenção era ganhar. Fiquei com as emoções à flor da pele por não ter conseguido ultrapassar a minha primeira adversária, mas felizmente fui repescada.

Voltei a focar-me na competição e venci por ippon os dois combates seguintes. Para a disputa da medalha sentia-me bastante ansiosa e nervosa, mas confiante de um bom resultado. Acabei por obter um 5° lugar, o que inicialmente me deixou abalada uma vez que ambicionava mais.

No final das contas penso que foi um resultado positivo, mas com certeza vou alcançar melhores classificações no futuro.

Equipa

O ambiente foi agradável entre a equipa. Apoiámo-nos sempre uns aos outros, quer em situações positivas quer negativas. •

Equipa dos Açores | atletas e treinadores. Foto © Roberts Voskans – SportaFoto.com

Estágio

Na minha opinião o estágio estava forte e, aliando ao facto de eu já vir com algum cansaço da minha prova, tornou-se ainda mais exigente.

Estavam lá os melhores dos melhores de cada país. Achei que havia seleções muito fortes no setor feminino: Esta situação vantajosa permitiu-me ter um treino bastante exigente.

Concluí o estágio com sucesso, acreditando que foi um momento muito positivo para a minha evolução. Saio de Riga com uma boa experiência e com vontade de voltar.

Fotos © Roberts Voskans – SportaFoto.com

SOBRE O AUTOR | Editor

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *